Orlando Baumel

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrPin on PinterestEmail this to someone

Mais uma colaboração de minha amiga Andrea Costa, com dicas do Velho Continente. Desta vez, falando sobre cafés.

Eu adoro vinho! É o único líquido que admito para acompanhar a comida. Todos que me conhecem sabem disto.

E sabem também que depois de almoçar e depois de jantar eu NUNCA dispenso a melhor das bebidas: um bom café! Forte, quente e saboroso, não existe nada melhor do que um bom café! E nestas andanças, venho experimentando café de diversos tipos.

Nesta viagem de quase quatro meses pela Europa, já me deliciei com o “espresso”, na Itália –  em Veneza, sempre bem forte, quase um creme, o meu preferido – em Roma, no famoso Grecco, que serve café há 250 anos! Haja café!

Experimentei alguns cafés bem bons na Alemanha, acompanhado daqueles maravilhosos doces como o “topstruddel”, em Munique, em Berlim ou em Colônia!

Café e topstrudel – Berlin

 

Café em Colonia

E agora, em Paris, sempre com seu jeito charmoso de ser, o “Caffè Gourmand”!

A bebida bem coada, forte na medida certa, acompanhada de pequenas “gourmandises”(até o nome é chic, rs!), miniaturas de macarrons, pequenos potinhos com mousse de chocolate, tijelinhas minúsculas de “cremme bruleé” ou de soufle de limão…

Pequenos detalhes que fazem minha alma gulosa flutuar no paraíso das delícias gastronômicas… (falei bonito, hein??)

É isto, café…

Posts Relacionados