Espessantes Alimentares

Compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrPin on PinterestEmail this to someone

Engrossando o caldo.

espessantes-alimentares

A Nutricionista Maria Alice Maciel nos fala um pouco sobre espessantes alimentares.

Muitas vezes vamos ler um rótulo de um alimento e encontramos espessante, além de outros componentes.

Mas afinal para que servem os espessantes alimentares?

Bom, espessantes são substâncias químicas que conferem aumento da viscosidade sem alterar outras propriedades do alimento. São aditivos, como tantos outros, muitas vezes necessários e com as quantidades permitidas bem determinadas pela Anvisa.

São empregados para melhorar a textura e a consistência de determinados produtos. A maioria dos espessantes são carboidratos naturais (carragena, gomas guar, arábica, xantana e jataí) e carboidratos quimicamente modificados (carboximetilcelulose).

Muitos espessantes possuem também características de estabilizantes. Utilizados principalmente em sorvetes, iogurtes, molhos, margarinas, geléias artificiais, balas, gomas de mascar, recheios e coberturas de bolos.

E o uso dos espessantes na culinária?

Quem nunca comeu um mingau, uma sopa cremosa ou um molho Bechamel e tantas outras preparações em que se usa um determinado produto que confira essa consistência cremosa? Nossa, os molhos ficam maravilhosos, os Chefs que nos contem, ou melhor, que nos façam saborear esses molhos e preparações deliciosas.

Existem ainda outras funções dos espessantes, direcionadas para pessoas com disfagia, ou seja, dificuldade para deglutir ou aqueles que não tem, por algum motivo, o reflexo da tosse, que não deixa de ser um fator de proteção.

Esses pacientes, ao ingerir líquidos, podem se afogar e acabar até aspirando, o que podendo causar uma infecção  pulmonar (pneumonia). Nesses casos é melhor ingerir preparações modificadas na consistência, espessadas, do que os líquidos, que são mais fáceis de levar ao afogamento.

Existem alguns alimentos espessantes como o amido de milho ou a própria farinha de trigo. Existem também alguns produtos industrializados que são direcionados para esse fim, sem modificar o sabor dos alimentos. Pode-se, inclusive amolecer algumas preparações que sejam muito endurecidas.

Dependendo da necessidade do indivíduo, utiliza-se consistências diferentes, como por exemplo, consistência de xarope ou de mel, ou mais denso, se assim desejar.

Viram só que interessante? Esse é apenas um aditivo dentre uma gama enorme deles, vamos fazer bom uso.

Um abração

Maria Alice Maciel        Nutricionista

Print Friendly

Posts Relacionados

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00
Loading...

12 Responses to Espessantes Alimentares

  1. Márcia Pinto

    Boa tarde,
    Agradeço esta pequena explicação, relativamente aos espessantes de caldos.
    Todavia, estou interessada, se possivel, que me indica-se algum tipo de espessante que possa utilizar para a àgua. O meu ramo profissional direcciona-se para a terceira idade, e estes regularmente, encontran-se um pouco desidratados, como tal necessitava que me indica-se um espessante que conferi-se à agua um estado semi-solido, para facilitar a sua ingestao.
    Obrigada pela atenção,
    Agradecia uma resposta.
    Márcia Pinto

    • Foto de perfil de Orlando Baumel
      Orlando Baumel

      Consultei a Maria Alice Macie, nutricionista que escreve para mim no OBA Gastronomia sobre sua dúvida.
      Existem produtos específicos para o que deseja. Podem ser adquiridos com o representante de sua cidade (uma busca no Google resolve isto).
      Ela me passou três marcas:

      THICK & EASY
      Marca: Fresenius Kabi

      RESOURCE
      Marca: Nestle

      NUTILIS
      Marca: Support/Danone

  2. Rosa

    Olá1 Gostaria de saber se podemos substituir o espessante por amido de milho que compramos em supermercado? O espessante é muito caro e para o idoso de baixa renda seria indicado?
    Aguardo resposta.
    Att, Rosa

    • Grasiela Luza

      Olá Rosa,
      Sou fonoaudióloga especializanda em Disfagia que é o Distúrbio da Deglutição. Não oriento substituição do Espessante industrializado pelo amido de milho pois vai ressecar as fezes. Procure uma fono em seu município que seja especialista para fazer avaliação e acompanhamento de monitoria.

      Espero ter contribuido!

      • Foto de perfil de Orlando Baumel
        Orlando Baumel

        Olá, Grasiela
        Muito obrigado pela participação. Eu e a Rosa agradecemos.
        Um abraço!

        • Grasiela Luza

          Olá Orlando, vi tua postagem anterior sobre as marcas de espessante comercializados. Sugiro recomendação com a avaliação clínica, tendo em vista que com o tempo de uso e dependendo do espessante, há alta concentração de sódio, que a longo prazo pode vir a desencadear alteração de pressão arterial, e outros como reação de cadeia.

          Abraço

          • Foto de perfil de Orlando Baumel
            Orlando Baumel

            Muito obrigado pela participação e dicas, Grasiela! Um abraço!

      • Erick cora

        O excesso de espessante pode causar oque ?

  3. wesley

    oi eu gostaria de saber quais soa oa alimentos que tem espessante e o nome dos espessantes aguardo sua resposta

  4. Gildo M. Carlos

    Boa noite! Também gostei do que li sobre espessantes. Preciso aprender melhor como espessar, dar melhor consistência a geléia de frutas? Que espessante devo empregar e que seja facilmente encontrável no mercado?
    Abraço.

    • Foto de perfil de Orlando Baumel
      Orlando Baumel

      Olá, Gildo
      Procure em casas de artigos para confeitaria algum espessante à base de pectina. Dependendo da fruta que você utilizar, não será necessário.
      Obrigado pela participação no OBA Gastronomia.
      Um abraço!

  5. maria aparecida soares martins

    minha mãe teve avc e é diabética as vezes percebo que ela tem dificuldade em deglutir poderia usar espessante para ela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *